Pesquisar

Carregando...

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Série Mortal

Nudez Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
Eve Dallas é tenente da polícia de Nova York e está caçando um assassino cruel. Em mais de dez anos na força policial ela já viu de tudo e sabe que a própria sobrevivência depende de seus instintos. Eve avança contra todos os avisos que lhe dão para não se envolver com Roarke, bilionário irlandês, o principal suspeito de um dos casos de assassinato que ela está investigando. A paixão e a sedução, porém, possuem regras próprias, e depende de Eve assumir um risco nos braços de um homem sobre o qual ela nada sabe, a não ser a necessidade de sentir o toque dele, que se transformou em um vício para ela.

Glória Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
A primeira vítima foi encontrada caída na calçada, na chuva. A segunda foi morta no próprio prédio onde morava. A tenente Eve Dallas, da Polícia de Nova York, não teve dificuldades para encontrar uma ligação entre os dois crimes. As duas vítimas eram mulheres lindas e muito bem-sucedidas, mas que mantinham relações que poderiam provocar suas mortes. Suas vidas glamourosas e seus casos amorosos eram assunto na cidade, assim como suas relações íntimas com homens poderosos e riquíssimos. Livro escrito por J.D. Robb - pseudônimo da escritora norte-americana Nora Roberts.

Eternidade Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
Pandora é uma das top models mais importantes e desejadas do planeta: tem beleza, fama, dinheiro, poder, prestígio, amantes e contatos. Mas tudo isso deixou de fazer sentido, pois ela está morta. A modelo foi brutalmente assassinada com um bastão de prata, arma abandonada no local do crime. Seu rosto, de uma perfeição impressionante, desapareceu completamente ao ser esmagado e mutilado pela força de uma série de golpes ferozes e cruéis. Ninguém sabe quem foi o autor do crime, mas todas as suspeitas pairam sobre Mavis — a melhor amiga de Eve. A tenente não poupará esforços para inocentá-la e encontrar os verdadeiros culpados.

Êxtase Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
No ano de 2058, a forma mais popular de entretenimento são os poderosos jogos de realidade virtual. Através deles, qualquer pessoa é capaz de ingressar facilmente em um mundo fantástico, repleto de prazeres e perigos. A vantagem é que não há riscos: é tudo uma grande brincadeira, uma mera simulação. Ou, pelo menos, era isso o que todos pensavam até um brilhante engenheiro aparecer morto. Eve Dallas descobre que essa morte é apenas uma das peças de um caso muito mais assustador do que aparenta.

Cerimônia Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
Em seu mais novo caso, Eve Dallas - detetive do Departamento de Homicídios da Cidade de Nova York - descobre que, mesmo perto do fim do século 21, velhas crenças ainda se mantêm intactas. Investigando a morte de um colega policial, Eve se vê obrigada a colocar a ética profissional acima de qualquer relação emocional. No entanto, quando encontra um cadáver na porta de sua casa, percebe que aquela pode ser uma ameaça bem pessoal. Ao lado do marido Roarke, ela se vê envolvida em uma aventura além da compreensão humana, no limite entre o bem e o mal.

Vingança Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
No mais recente caso da tenente Eve Dallas, entra em cena um louco altamente especializado em eletrônica. Ele tem o cérebro de um gênio... mas o coração de um assassino que assombra a policia com charadas e pistas codificadas a respeito dos crimes que está prestes a cometer. Mas essas charadas são sempre decifradas tarde demais, momentos depois de a vítima ser assassinada. Dallas encontrou o primeiro morto esquartejado no apartamento onde ele morava. O segundo, num luxuoso apartamento anunciado para locação. A única ligação entre os dois homens é um segredo assustador, algo ocorrido há dez anos. Um mistério compartilhado por... Roarke, marido da tenente.

Vingança Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
No mais recente caso da tenente Eve Dallas, entra em cena um louco altamente especializado em eletrônica. Ele tem o cérebro de um gênio... mas o coração de um assassino que assombra a policia com charadas e pistas codificadas a respeito dos crimes que está prestes a cometer. Mas essas charadas são sempre decifradas tarde demais, momentos depois de a vítima ser assassinada. Dallas encontrou o primeiro morto esquartejado no apartamento onde ele morava. O segundo, num luxuoso apartamento anunciado para locação. A única ligação entre os dois homens é um segredo assustador, algo ocorrido há dez anos. Um mistério compartilhado por... Roarke, marido da tenente.

Natal Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
Neste sétimo romance futurista da Série Mortal, de J.D. Robb (Nora Roberts), a policial Eve Dallas, fiel devota da lei e da justiça, depara-se com mais um misterioso caso para solucionar. Natal Mortal nos oferece uma instigante e curiosa história de homicídio ambientada em uma Nova York do ano de 2058. Em meio às festividades de Natal, um criminoso está à solta, fantasiado de Papai Noel. Será que o presente recebido pela primeira vítima do bom velhinho e a referência à canção "Os Doze Natais" significam que foi apenas o primeiro de muitos assassinatos? Ou teria sido um crime passional? Cabe à tenente Eve Dallas procurar as respostas e desvendar o mistério. Para isso, deverá evitar o envolvimento emocional, ignorar as fraquezas e superar os próprios traumas.

Conspiração Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
Numa época em que a natureza humana permanece tão previsível quanto a morte, um assassino brinca de Deus e coloca vidas inocentes na palma da mão. Com a precisão de um cirurgião, um serial killer ataca as almas mais vulneráveis pelas ruas das grandes cidades do mundo. Os crimes não deixam marcas roxas nem sinais de luta - apenas um buraco feito a laser, com bordas perfeitas e o tamanho de um punho, no lugar do coração. Quem recebe a missão de investigar o caso é, claro, a detetive Eve Dallas. Porém, no calor do jogo de gato e rato com o assassino, o trabalho de Dallas subitamente se coloca na linha de tiro. Neste oitavo romance futurista da Série Mortal, de J.D. Robb (Nora Roberts), os mistérios e as emoções não cessam.
Escrita por Nora Roberts sob o pseudônimo de J. D. Robb, a Série Mortal teve início com Nudez Mortal, livro em que a tenente tenta desvendar um intricado caso de assassinato, cujo principal suspeito era Roarke, excêntrico multimilionário irlandês de passado nebuloso. Ela consegue eliminá-lo da lista de suspeitos e acaba sentindo-se atraída por ele. Depois, em Glória Mortal, ela e Roarke já estão completamente apaixonados, o que aumenta os problemas na vida de Eve. Em Eternidade Mortal, o terceiro livro, ela mais uma vez se envolve emocionalmente com um dos casos que investiga: seguindo a trilha do frio assassino de uma top model, Eve Dallas precisa deixar de lado os preparativos de seu casamento com Roarke para provar a inocência de sua melhor amiga. No quarto volume da coleção, Êxtase Mortal, a detetive tem de desvendar uma série de crimes que ultrapassam os limites da realidade. Em "Cerimônia Mortal", surge uma trama que une velhas crenças e acontecimentos muito além da compreensão humana. Em "Vingança Mortal", Eve se vê envolvida com um louco especializado em eletrônica que a assombra com charadas e pistas codificadas a respeito dos crimes que está prestes a cometer. No livro anterior, Natal Mortal, deparamo-nos com um cruel assassino fantasiado de bom velhinho.

Lealdade Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
A tenente Eve Dallas está pronta para enfrentar o seu mais talentoso inimigo: um "admirador secreto" que a provoca com cartas anônimas e promove uma destruição em massa sem misericórdia. Em Lealdade mortal, o nono romance futurista da Série mortal, a mais famosa série policial da atualidade, de J.D. Robb (Nora Roberts), o mal parece estar mais forte e mais próximo do que nunca. Será que Eve conseguirá fazer com que o bem seja mantido, e a ordem, restaurada?

Um desconhecido grupo terrorista usa poderosas bombas para tentar colocar Nova York sob o domínio do medo. Envia mensagens terríveis à tenente Eve Dallas, nas quais promete derramar sangue, espalhar o terror e produzir uma destruição em massa para acabar com o "governo corrupto". E, quando a cruel teia de mentiras e terrorismo ameaça as pessoas que Eve mais ama, ela reage com garra e determinação. É a sua cidade, o seu trabalho, e os alvos estão cada vez mais perto dela. Agora, numa eletrizante corrida contra o relógio, ela precisa fazer com que todas das peças se encaixem... antes que a cidade seja destruída.

Escrita por Nora Roberts, sob o pseudônimo de J. D. Robb, a Série mortal teve início com Nudez mortal, livro em que a tenente tentou desvendar um intricado caso de assassinato, cujo principal suspeito era Roarke, excêntrico multimilionário irlandês de passado nebuloso. No volume anterior, Conspiração mortal, o oitavo da série, a destemida tenente enfrentou um serial killer que se julgava em missão divina e descartava vidas que considerava inferiores. Os crimes não deixavam marcas roxas nem sinais de luta - apenas um buraco feito a laser, com bordas perfeitas e o tamanho de um punho, no lugar do coração. No calor do jogo de gato e rato com o assassino, o trabalho de Dallas subitamente se colocou na linha de tiro

Testemunha Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
Neste décimo livro da série, "Testemunha Mortal", já transformados no casal mais querido pelo público leitor, Eve e Roarke enfrentam um assassino corajoso e audaz, que não hesita em cometer um crime diante de milhares de pessoas, escondido pelo jogo de espelhos de um palco de teatro.

Julgamento Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
Ela chega e, a partir desse instante, a vítima lhe pertence.
Um assassino de policiais ataca em uma boate chamada Purgatório. A tenente Eve Dallas desce ao inferno do submundo do crime, a fim de descobrir quem está matando seus colegas de farda.
Em uma boate de striptease, na parte norte da cidade, um tira é encontrado morto, cruelmente massacrado por um taco de beisebol. O crime? Um mistério, um surpreendente assassinato, que coloca Dallas em uma corrida desenfreada rumo à justiça e à ordem.
Eve comanda uma eletrizante investigação que revela um fato assustador: o clube privê onde ocorreu o crime é mais do que um lugar da moda. A boate Purgatório representa a última oportunidade de redenção - ali todos passam pelo julgamento final. 
O destino dos considerados culpados tem conexão direta com seus pecados mais íntimos, e os segredos dos corruptos lançam almas inocentes em uma condenação regada a vícios e poder.

Traição Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
No luxuosíssimo Roarke Palace Hotel, uma camareira entra na suíte 4.602 para a habitual troca de lençóis e toalhas, mas encontra, na verdade, o seu pior pesadelo: seu assassino, que a estrangula com um fino fio de prata. É mais um ataque do conhecido Sly Yost, apreciador de boa música, bons vinhos e homicídios. Um assassino de aluguel bem conhecido pela tenente Eve Dallas. O problema é que, neste caso intrincado, conhecer o matador não a ajuda a elucidar o crime, pois existe mais alguém envolvido. Alguém com motivos pessoais. E Eve é obrigada a enfrentar a aterrorizante possibilidade de que o alvo verdadeiro de tudo isso seja, na verdade, o seu marido Roarke.

Sedução Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
Neste mais recente caso, a tenente Eve Dallas está em busca de um Casanova cruel com um nefasto apetite para seduzir suas vítimas antes de assassiná-las. Dante já cortejava sua presa pela internet havia várias semanas quando foi encontrá-la pessoalmente pela primeira vez. Alguns goles de vinho e algumas horas depois, a sua pobre acompanhante estava morta. A arma do crime: a dose de uma droga rara e indetectável, do tipo “boa-noite, Cinderela”, com assustador valor de mercado.

A tenente Dallas passa e repassa em pensamento todas as pistas que descobriu: luz de velas, música romântica e pétalas de rosas espalhadas sobre os lençóis. Um clima de encantamento montado para agradar o sedutor, e não a vítima. Na verdade, ele não pretendia matá-la. Agora, porém, só lhe restavam duas escolhas: fugir e se esconder ou sair novamente em campo para uma nova caçada.

Reencontro Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
Depois do grande sucesso Sedução Mortal, Nora Roberts, sob o pseudônimo de J.D. Robb, lança no Brasil mais um livro da sua famosa série policial: Reencontro Mortal. Eve Dallas foi a responsável direta pela prisão de Julie Dockport há dez anos. Agora, solta por bom comportamento, Julie não pretende deixar a policial escapar ilesa. Um reencontro que jamais será esquecido pelas duas. Exatamente às 19h30, Walter Pettibone chegou em casa e encontrou mais de cem amigos e familiares que gritaram em uníssono: “Surpresa!”. Era seu aniversário. Embora há várias semanas ele já suspeitasse de que uma festa estava sendo organizada, a verdadeira surpresa ainda estava por vir. Às 20h45, uma ruiva com olhos cor de esmeralda lhe entregou uma taça de champanhe. Um único gole do líquido borbulhante o fez cair morto.

Pureza Mortal - Série Mortal - J. D. Robb
Em plena Nova York de 2059, um acontecimento chocante abala uma sociedade dependente dos avanços tecnológicos para funcionar à perfeição: um assustador e desconhecido vírus de computador, potencialmente mortal, está se espalhando entre a população, e esse vírus desconhece fronteiras. E quando duas mortes ocorrem em circunstâncias praticamente idênticas, Eve corre em busca de respostas. Contudo, acaba se vendo obrigada a reunir coragem para enfrentar o impossível: um vírus de computador capaz de se espalhar a partir da máquina, infectar um homem, atuar em seu organismo e tomar conta de todo o seu ser.

Retrato Mortal - Série Mortal - J.D. Robb
Eve Dallas vive no ano de 2059, mas nem por isso é uma detetive diferente das atuais: corajosa, destemida, inteligente e muito impaciente. Neste mais recente livro de J.D. Robb, Retrato Mortal, ela está à caça de um serial killer que assassina vítimas jovens e inocentes, as fotografa após a morte e, no fim, envia as poses para os jornais como se fossem modelos à procura de um emprego. A trama começa quando um corpo é encontrado num reciclador de lixo, e uma repórter, amiga da tenente Eve Dallas, repassa a informação à policial. Eve parte, então, no encalço de um criminoso que se propõe a oferecer às suas vítimas a eternidade arrancando-lhes a vida no auge da juventude. O assassino, supostamente um fotógrafo ou uma fotógrafa, observa, analisa e registra cuidadosamente cada movimento de seus modelos antes de capturá-los. Sua missão macabra é absorver a inocência, a beleza, a juventude e a vitalidade das vítimas, sugando-as para a câmera com o intuito de tirar um derradeiro e assustador... retrato mortal. Para dificultar ainda mais a tarefa de Eve Dallas, um inesperado obstáculo se colocará à sua frente: seu marido, Roarke, descobrirá terríveis fatos sobre o próprio passado. Assim, ela terá de dar assistência ao homem que ama, caminhando na corda bamba que liga a sua vida profissional à pessoal, e buscando justiça nos dois lados do seu mundo.

Imitação Mortal - Série Mortal - J.D. Robb
Verão de 2059. Um homem usando capa preta, bengala e cartola se aproxima de uma prostituta em uma rua escura de Nova York. Minutos depois, a mulher está morta. Um bilhete é deixado na cena do crime, endereçado à tenente Eve Dallas, convidando-a a participar de um jogo de gato e rato a fim de descobrir a identidade do assassino. A assinatura no bilhete é, simplesmente, “Jack”.

4 comentários:

  1. Série superinteressante, estou na expectativa de ler, só não sei quando será.

    soniacarmo
    retalhosnomundo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ainda não li nada da autora.
    Essa série parece ser ótima, gostei das capas.

    ResponderExcluir
  3. Olá, ainda não li essa série mais tenho vontade de ler ^^ quem sabe isso não aconteça em 2013 hehehe

    bjsks
    ká Guimarães
    acordeicomvontadedeler.com

    ResponderExcluir
  4. Eu AMO essa serie, Eve e Roarke são o melhor casal ever !

    ResponderExcluir